{{recommendedBannerText}}

Spacer
{{recommendedRegLangFull}}

Por mais de 145 anos, a Ingersoll Rand é líder mundial em compressores de ar e acessórios para sistemas de ar. Entendemos as necessidades e requisitos de sistemas de ar e as demandas comerciais que você enfrenta todos os dias. Os elevados custos energéticos e as margens reduzidas exigem um aumento na confiabilidade e eficiência não só do compressor de ar, como de todo o sistema de ar. É o sistema completo: a tubulação, os filtros, os secadores, os drenos, as mangueiras, as válvulas e as ferramentas de ponto de uso.

 

Contate-Nos


ESCOLHENDO SEU COMPRESSOR DE AR

 

A quantidade de ar comprimido necessária depende do tamanho do compressor de ar que você precisará. Oferecemos compressores de ar de um estágio e de dois estágios. Os modelos de um estágio comprimem o ar até a pressão final de uma só vez. Eles geralmente são utilizados para pressões entre 70 e 90 psi (pressão máxima até 135 psi). O modelo de dois estágios comprime o ar até uma pressão intermediária no primeiro estágio, remove a compressão de calor por meio de um intercooler e comprime o ar até uma pressão final em um segundo estágio de compressão. Os compressores de dois estágios são mais eficientes e geralmente são utilizados para pressões acima de 100 psi (pressão máxima de 175 psi).

 

Você está procurando um compressor que o ajude a economiza espaço e dinheiro? Você deveria considerar investir em um compressor de parafuso rotativo. Esses compressores podem lidar com trabalhos que precisam de um nível de psi mais elevado do que os compressores alternativos podem aguentar. Os compressores de parafuso rotativo vão de 100 psi a 200 psi. Além de gerar um psi mais alto, eles eliminam até 80% dos custos de instalação tradicionais de equipamentos de tratamento de ar individuais. Esses compressores são equipados com um secador, um painel de controle, um separador de óleo, dois filtros (para uso geral e de alta eficiência) e um sistema de drenagem condensada.

ACESSÓRIOS PARA COMPRESSOR DE AR

 

Umidade: Você sabia que durante um mês de verão, você terá que remover pelo menos 150 galões de umidade indesejada em seu sistema de ar devido a altas temperaturas? Danos devido à umidade são prejudiciais ao seu equipamento, levando a um tempo de inatividade não planejado. O excesso de umidade no seu sistema de ar pode causar o crescimento de bactérias, corroer a tubulação e provocar vários problemas no compressor. Não ter umidade na linha de produção é especialmente importante para a pintura automotiva. Quando há umidade presente no sistema de ar comprimido, a tinta pode começar a criar bolhas. Para resolver seus problemas de umidade, você deve investir em um secador refrigerado. Ter um secador refrigerado instalado no seu sistema limpará sua linha de produção e manter suas operações de funcionando de forma eficiente. Um secador refrigerado é a escolha padrão se você estiver à procura de uma solução de baixa manutenção.

 

Filtros de ar: Vamos falar a verdade, uma oficina automotiva não é o lugar mais limpo do mundo. Geralmente há poeira no ar e vários óleos sendo utilizados. Quando seu compressor está em operação, ele coleta a poeira da oficina e a impulsiona pelo sistema de ar comprimido. Um compressor com partículas de poeira, óleo e gotículas de água só faz com que o compressor tenha que funcionar com mais potência, elevando seus custos energéticos. Nossos filtros de ar coalescente economizam energia e protegem seus compressores e ferramentas de contaminantes prejudiciais, removendo de maneira eficaz partículas sólidas, água, óleo e aerossóis do ar comprimido.

 

Lubrificantes: Compressores de ar ou componentes com superaquecimento e vazamento de ar... É possível evitar esses problemas adicionando lubrificante; além disso, monitorar os níveis em seu compressor é extremamente importante para garantir que o compressor de ar funcione da maneira mais eficiente possível. Nosso lubrificante All Season Select é uma mistura sintética para uso em todas as temperaturas, projetado para aumentar a eficiência, reduzir o desgaste e impedir o acúmulo de carbono. Ele funciona por quatro vezes mais tempo do que os lubrificantes à base de petróleo. Recomenda-se 2.000 horas de serviço entre a troca de lubrificantes sob condições normais de operação.

pt-BR